De Heus comemora resultados

Empresa completa um ano de atuação no Brasil nos mercados pet e aqua.

O segmento de pet food no Brasil está em plena expansão e a tendência é crescer ainda mais nos próximos anos. “Nosso balanço de um ano da De Heus no mercado pet e aqua brasileiro refletiu o aquecimento atual deste mercado no país. Intensificamos as parcerias, trouxemos o que há de melhor em qualidade de produtos e usufruímos da experiência internacional da empresa no segmento, numa estrutura fabril apta a atender à demanda da indústria produtora de ração”, explica Danilo Tremocoldi, zootecnista e gerente de negócios pet e aqua.

Entrando com eficácia no segmento no Brasil — com uma linha branca de produção, livre de qualquer contaminante, respeitando os padrões de qualidade exigidos —, a multinacional holandesa convidou os parceiros comerciais para que fizessem auditorias na planta da companhia, que está localizada em Rio Claro-SP: “Nas visitas, eles conheceram a maneira única com que produzimos premix no segmento, com o mais rigoroso controle de qualidade, por meio da homologação dos nossos fornecedores”, conta o gerente.

Segundo Tremocoldi, a De Heus desenvolve seus produtos embasada em tecnologia, inovação, prestação de serviços e dedicação, com o objetivo de garantir excelência ao mercado. “Essas características fazem parte da filosofia e expertise global da De Heus. Evolução e crescimento também estão intrínsecos ao DNA da companhia, que desde que iniciou suas atividades no país, há sete anos, ampliou as linhas de atuação para os segmentos da produção animal — suínos, bovinos de corte e leite, frangos e poedeiras — e hoje está presente em todo o território nacional e em expansão para a América Latina.”

No mercado de aquicultura, apesar das crises econômicas dos últimos anos, a produção de peixes no Brasil cresceu 4,5% em 2018, totalizando 722 mil toneladas e uma movimentação financeira de R$ 5,6 bilhões (segundo dados da Associação Brasileira da Piscicultura – Peixe BR), e em 2019 voltou a se recuperar. “Temos acompanhado os eventos do setor e notamos que a aquacultura voltou a encontrar seu caminho de crescimento, retomando os patamares de preços e buscando novas opções de mercado, como as exportações”, explica Tremocoldi.

Para ele, o ano de 2020 promete ainda mais evolução no mercado de aquicultura e também para a De Heus no segmento, pois já conta com parceiros fidelizados e outros já em negociação: “Em 2019, abrimos as portas do nosso centro de pesquisa e das nossas fábricas no Vietnã para que esses parceiros brasileiros conhecessem o mercado de peixe Pangá, que está em franco crescimento aqui no Brasil. Eles também puderam visitar alguns clientes da De Heus no país e retornaram bem impressionados”, comemora.

No novo ano que se inicia, a companhia promete atingir novos patamares em pet e aqua no Brasil, alavancando ainda mais suas parcerias comerciais, aumentando a capacidade de atendimento no campo e aperfeiçoando a planta industrial de Rio Claro 2. “As principais indústrias dos segmentos estão com novos projetos e contam com nossa parceria em testes e demandas específicas. Neste momento, estamos reforçando nossa equipe, contratando profissionais com bagagem no segmento — como Marcos Aoki, novo supervisor técnico comercial —, para atender nossos parceiros com assistência técnica, seja por meio de fórmulas, de matéria-prima específica ou esclarecendo dúvidas”, finaliza.

 

Comentários
Carregando...