The Lion’s Share4 min para ler

Mars é a primeira empresa parceira do programa de desenvolvimento das nações unidas em prol dos animais.

O PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento), a Mars, Incorporated e a Finch anunciaram, recentemente, uma iniciativa que visa transformar a vida dos animais mundialmente, incentivando anunciantes a contribuírem com uma porcentagem de seus gastos em mídia para conservação e projetos de bem-estar animal. O fundo chamado The Lion’s Share visa estimular as empresas que veicularem animais em suas publicidades a contribuírem com 0,5% de seus investimentos em mídia para o fundo. Essa verba será utilizada para apoiar animais e seus habitats em todo o mundo e a Mars é a primeira parceira de publicidade da The Lion’s Share.

“Animais estão em 20% de todos os anúncios que vemos. No entanto, eles nem sempre recebem o apoio que merecem. Até agora”, disse o Embaixador Especial da Lion’s Share, Sir David Attenboroug.  “A participação no Lion’s mostra que fazendo uma pequena diferença hoje, temos a oportunidade de fazer uma diferença sem precedentes amanhã”, acrescentou.

O fundo, que será hospedado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, da sigla original (UNDP – United Nations Development Programme), pretende levantar US $ 100 milhões por ano dentro de três anos, sendo o valor investido em uma série de programas de conservação da vida selvagem e bem-estar animal a serem implementados pelas Nações Unidas e por organizações da sociedade civil. Outros parceiros incluem a rede de publicidade BBDO e a empresa líder de mensuração Nielsen.

“A vida selvagem e seus habitats estão em crise. Estamos perdendo espécies a uma taxa sem precedentes, estimada em 1.000 vezes a taxa de extinção natural. O Lion’s Share é uma ideia tão inovadora quanto simples e que terá um impacto real sobre o futuro dos animais, seus habitats e nosso planeta”, disse o administrador do UNDP, Achim Steiner.

Andrew Clarke, presidente Global de Marketing da Mars, ressaltou que o fundo é uma forma poderosa para as empresas deixarem um legado duradouro. Segundo ele “The Lion’s Share é exatamente o tipo de iniciativa ambiciosa que precisamos ter para garantir que fomentemos um planeta saudável em que todos – incluindo os animais – possam prosperar. Para a Mars, esse é mais um passo que dá vida aos compromissos do Plano Sustentável em uma Geração.”

“Somos apaixonados pela conservação da vida selvagem e pela manutenção da biodiversidade – absolutamente necessárias para nosso planeta. Os animais precisam da nossa ajuda, os que estão mais perto de casa também. Encorajamos que outras empresas e marcas se juntem a nós na iniciativa The Lion’s Share para ajudarmos a construir um movimento que conduza estas questões críticas”, acrescentou Clarke.

Rob Galluzzo, fundador da Finch, que iniciou a ideia com o diretor de cinema Christopher Nelius, ressaltou que: “Nove dos dez animais mais populares que vemos nos comerciais estão em perigo ou ameaçados e eles nem sempre recebem o apoio que merecem. Na verdade, geralmente é o oposto. Christopher teve essa ideia incrível para resolver essa questão e nós, do Finch, decidimos fazer isso acontecer. Fizemos uma parceria com a Clemenger BBDO para dar vida ao conceito.”

O Fundo conta com um comitê diretor conjunto que tomará decisões sobre programas prioritários. The Lion’s Share vai trabalhar para contribuir com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, chamado universal da ONU para acabar com a pobreza e proteger o planeta. Apoiar os animais e ajudar a conservar os seus habitats é a chave para alcançar o Objetivo 14, Vida Subaquática e Objetivo 15, Vida em Terra.

“É nossa responsabilidade, como seres humanos, salvar e guardar toda a vida em nosso planeta”, disse o ator e embaixador da Boa Vontade do UNDP, Nikolaj Coster-Waldau, que deu início ao lançamento do fundo The Lion’s Share em Cannes. Na ocasião, o embaixador também realizou uma entrevista com a primeira unidade anticaça furtiva da África do Sul, o Black Mambas. Ele acrescentou que: “Não podemos alcançar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável lançados pela ONU e pelos líderes mundiais de proteger o futuro e garantir a prosperidade de todas as pessoas sem preservar habitats naturais para todos os seres vivos e seres humanos – da vida selvagem à vida marinha.”

Collette Ngobeni, dos Black Mambas, reforça: “Essa é uma iniciativa muito emocionante, porque tem um enorme potencial para ajudar a conservação local, como a nossa. Trabalhamos todos os dias para evitar a caça furtiva e apoiar algumas das espécies mais ameaçadas do mundo e esperamos ser apoiados pelo The Lion’s Share.”

 

 

Comentários
Carregando...