COMDOR 2019 reunirá médicos-veterinários em Campinas2 min para ler

Com proposta inédita, profissionais irão debater as alternativas para minimizar a dor animal.

Campinas sediará a primeira edição do Congresso Medvep de Dor em Veterinária (COMDOR 2019), durante os dias 18 a 20 de abril, no Expo Dom Pedro. Pioneiro no país, o evento é destinado a médicos-veterinários que trabalham com pequenos animais (cães e gatos) e abordará de forma multidisciplinar a Algologia Veterinária (Clínica da Dor) no contexto da saúde animal. O COMDOR 2019 será estruturado em três eixos principais, com abordagem de uma temática por dia: Dor Aguda (18/04); Dor Crônica (19/04) e Reabilitação Animal (20/04).

Em paralelo ao congresso, serão realizados diferentes simpósios ao longo dos três dias: Simpósio de Dor Pós-Operatória e na UTI (primeiro dia) que abordará a dor crônica, seu reconhecimento e tratamento; Simpósio do Dia a Dia do Ambulatório de Dor (segundo dia), focando em temas de reabilitação e terapias complementares; e o Simpósio de Cuidados Paliativos que ocorrerá na última data.

O congresso apresentará diversas novidades com relação às temáticas específicas da área, como o uso dos gabapentinoides na analgesia perioperatória, bloqueios intervencionistas para o controle da dor e utilização da termografia infravermelha no diagnóstico da dor, entre outras. A grade de palestrantes terá a presença de profissionais reconhecidos nacional e internacionalmente, como Camila Bongiovani; César Vinicius; Denise Tabachi; Maira Formenton; Marco Aurélio Pereira; Patrícia Flor; Ricardo Vilani; Rodrigo Mencalha; Teresinha Martins e Vinicius Perez dos Santos.

“A atuação em dor tem recebido atenção por parte dos profissionais da Medicina Veterinária devido ao crescente número de casos de animais com doenças crônicas degenerativas”, explica o médico-veterinário Rodrigo Mencalha, coordenador científico do COMDOR 2019 e Especializado em Dor e Cuidados Paliativos pelo Instituto Albert Einstein (SP). “O grande destaque do evento é a diversidade dos temas dentro da área de atuação em dor aguda, crônica, cuidados paliativos e reabilitação com a participação de profissionais que atuam diretamente na área”, pontua.

Tratados como verdadeiros membros da família, os pets têm lugar cativo nos lares brasileiros. Os dados mais recentes do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) apontam que em 2013 o número de animais de estimação no país correspondia a mais de 132 milhões. Segundo o estudo, os cães são os pets mais populares no país, representando 53 milhões desse total, e os gatos correspondem a 22 milhões da fatia. De acordo com dados da Abinpet (Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação), o setor faturou cerca de R$ 19 bilhões em 2016 e vem mantendo uma média de crescimento superior a 5% ao ano. Parte desse montante é investido diretamente na saúde dos pets.

 

Informações sobre o COMDOR 2019: www.shopmedvep.com.br

 

 

 

 

Comentários
Carregando...