As sete tendências do marketing digital em 20185 min para ler

Estratégias que podemos utilizar para ter excelentes resultados na clínica

Como o próprio nome já diz, é o bom e velho marketing, só que trabalhado por meio das ferramentas digitais. Então sem delongas, vamos iniciar nosso artigo falando sobre as principais tendências e estratégias do marketing digital para este ano, e a primeira delas é:

 

1) Marketing de conteúdo


É o must have da sua clínica! É o que move as principais atividades do seu marketing, com o objetivo de atrair e engajar sua audiência. Uma estratégia efetiva de marketing de conteúdo é capaz de atender um cliente em potencial em todas as etapas da jornada do comprador. Dessa forma, essa tendência é capaz de mover seus clientes através dessas etapas, levando-os até o momento da aquisição. É a sua oportunidade de atrair mais clientes de forma estratégica.

Uma pesquisa realizada pela HubSpot mostra que em 2017 40% das empresas estavam utilizando abordagens estratégicas para atração de clientes e essa é uma tendência que continuará.

 

2) Conteúdo personalizado e centrado no cliente


Você já viu que o marketing de conteúdo continuará ganhando força neste ano. E para ter sucesso é preciso criar conteúdo personalizado e centrado em nosso cliente potencial. Oferecer uma experiência personalizada deve ser o objetivo do seu marketing de conteúdo. Seja no conteúdo do seu website, redes sociais e canal do YouTube em chamadas para ação. Uma mensagem centrada no cliente traz grande melhora na performance da sua estratégia. A HubSpot apresenta uma pesquisa com mais de 93 mil chamadas de ação usadas em sua plataforma nos últimos 12 meses. O resultado concluiu que as chamadas para ação direcionadas aos usuários performaram 42% melhor do que as chamadas genéricas. Isso mostra que a personalização é a forma mais poderosa de obter boas taxas de engajamento, conversão e retenção nas suas páginas, na clínica e na sua prestação de serviço como todo.

 

3) Análise de dados


Se você sabe analisar dados, você sabe entender o comportamento dos seus clientes e o que você precisa melhorar nos seus resultados de engajamento e conversão. Especialmente este ano a tendência do mercado é obter e fornecer dados analíticos em tempo real. E adivinha qual a profissão em alta no Linkedin? Analista de dados. Então se você ainda não usa ferramentas de análise de dados este é o ano para começar. E você pode começar com ferramentas básicas como Google Analytic, integrando-o no seu website e no email-marketing.

 

4) Otimização cross-device


É a otimização dos websites e blogs para todos os dispositivos. De acordo com uma pesquisa encomendada pela Google, o número de usuários de Smartphone no Brasil cresceu 3,5 vezes em um curto intervalo de 4 anos. E essa vem sendo uma tendência que cresce ano a ano. Cada vez mais o tráfego vai se originar de dispositivos móveis, por isso é importante que você se preocupe com a experiência que estes clientes estão tendo com o seu marketing. Garantir isso fará com que suas campanhas sejam eficazes.

 

5) Anúncios em vídeos


Estão crescendo acima do comum. Segundo estatísticas, 51,9% dos profissionais de marketing acreditam que vídeos são o melhor tipo de conteúdo que resultam em ROI – Return on Investment, ou seja, o melhor retorno para o investimento. Então para você se destacar e criar um relacionamento significante com seus clientes em potencial, você deve criar anúncios em vídeos ou simplesmente vídeos de conteúdo. Os vídeos são uma forma de conteúdo rico, visualmente interativo que facilita para o marketing transmitir suas mensagens. E, como resultado, você consegue fazer com que sua audiência realize ações específicas e tenha o maior interesse em curtir e compartilhar o conteúdo entre seus contatos (redes sociais), potencializando ainda mais sua audiência.

 

6) Live


Transmissões ao vivo, as famosas lives, podem se enquadrar como lives ou Webinários, os Stories do Instagram, as transmissões ao vivo pelo Facebook ou Youtube. O webinar já existe há um tempo e se você ainda não sabe o que é, ele é um tipo de transmissão ao vivo que costuma durar o tempo necessário para um “aulão” de interesse de sua audiência que acontece ao vivo. O Facebook e o Instagram Live também permite um bom tempo de transmissão, um webinar de até 4h, segundo a central de ajuda da rede social. Enquanto os Stories têm um tempo bem apertado de 3’ a 60’ segundos. As transmissões ao vivo têm o poder de estabelecer uma conexão mais humanizada com a sua audiência, por isso é ideal que haja planejamento para essa estratégia no seu desenvolvimento de conteúdo. As pessoas preferem 4 vezez mais assistir a um vídeo de conteúdo do que ler sobre ele.

 

7) Marketing de influência


É uma das maiores tendências para os próximos anos. Ele utiliza os influenciadores digitais para vender seus produtos e serviços. Esses influenciadores são pessoas que possuem uma grande audiência e um alto engajamento de fãs e seguidores. Geralmente são especialistas em determinados assuntos e postam conteúdo de valor para sua audiência e canais. O uso de “digital influencer” ajuda seus clientes não só a saber que seu produto/serviço existe, mas que também funciona e tem qualidade. Se eles usam e indicam seus produtos e serviços, a audiência tende a seguir suas recomendações. A nossa tendência é acreditar que um produto é bom quando alguém de confiança nos diz que esse produto/serviço é bom. Se você e sua empresa falam que seus produtos e serviços são bons, é comum, você não vai falar mal do seu próprio produto. Mas quando alguém de confiança do seu público diz que ele é bom, a tendência de criar interesse é muito maior.

Gostou das nossas dicas? Incorpore essas estratégias no seu marketing digital e você estará com tudo! Se você já usa essas estratégias, deixamos nossos parabéns e estimativas de muito mais sucesso!

 

Karina Costa – Marketing Veterinário – Agromarketing – www.karinacosta.com

Prof. Dr. Marco Antonio Gioso – FMVZ-USP    www.usp.br/locfmvz

 

 

 

 

Comentários
Carregando...