Especial Vet – Os Benefícios da Alimentação Natural3 min para ler

Entenda as vantagens desta tendência mundial que atinge também o mercado pet.

Com o mundo voltado ao orgânico e uma alimentação mais natural, o universo pet também está acompanhando essa tendência. Para falar um pouco sobre os benefícios da alimentação natural para os animais de estimação entrevistamos a Dra. Andreia Araujo, veterinária responsável da Simple Dog, alimentação natural e mestre em ciência e tecnologia de alimentos pelo Instituto Federal Sul de Minas.

Negócios Pet: Quais as vantagens da alimentação natural?

Dra. Andreia Araújo: As vantagens da alimentação natural sobre as rações são inúmeras, ela não utiliza subprodutos alimentícios, apenas alimentos que nós mesmo também consumimos. Não faz uso de conservantes artificiais nem corantes que são produtos apontados por pesquisas como causadores de doenças crônicas como alergias e até cânceres. Não possuem transgênicos nas suas formulações. Esse item tem duas causas: a primeira é que a idoneidade dos transgênicos ainda é discutida na alimentação humana e eles ainda não são considerados 100% seguros para consumo. A segunda é que os transgênicos utilizados são soja, trigo e milho, alimentos que não faziam parte da alimentação dos cães e gatos na Natureza na proporção que encontramos nas rações industrializadas e, consequentemente, estão relacionadas a alterações fisiológicas nesses animais. E a vantagem que está relacionada diretamente com a relação “pai-filho” que a maioria dos tutores tem com o seu bichinho de estimação é a palatabilidade. Os animais têm uma enorme aceitação da alimentação natural quando comparada com as rações e isso faz do momento das refeições um agrado que estreita ainda mais os laços de amor entre as partes.[userpro_private]

NP: Existe alguma restrição em oferecer a alimentação natural?

AA: Assim como as rações às quais estamos mais acostumados, a alimentação natural deve ser compatível com o estado fisiológico do animal. Por exemplo, se ele for obeso, a alimentação deve ser restrita em calorias e rica em fibras, entre outras características. Quando falamos de nutrição nos casos clínicos eu gosto de citar os casos oncológicos que não contam com ração comercial específica para o seu caso que deveria ser restrita em carboidratos e suplementada em proteínas e gorduras. Nesse caso específico apenas a alimentação natural fornece o balanço energético e nutritivo ideal para o paciente.

NP: Na sua visão, quais são as vantagens de empresas que investem na alimentação natural como a Simple Dog?

AA: Além de trazer todos os benefícios de uma alimentação natural, mais saúde para o cão, um sabor muito mais atrativo, etc., vejo algumas vantagens muito fortes neste produto. A receita de Simple Dog, por exemplo, foi desenvolvida por um time de veterinários especialistas em nutrição canina, o que nos assegura toda preocupação em desenvolver um produto de alta qualidade nutricional. É uma receita balanceada e completa, feita apenas com alimentos que também consumimos. Nela não encontramos subprodutos rejeitados pela indústria. Ela foi pensada para suprir as necessidades fisiológicas dos cães, isso é muito importante quando falamos em alimentação canina, já que na sua maioria os cães têm uma monodieta. Isso demonstra preocupação com o balanceamento do alimento para que o cão não sofra as graves consequências da ausência de nutrientes. Outro ponto é a praticidade. Vejo grande resistência dos tutores para mudarem a alimentação dos seus cães para refeição natural, mesmo sendo mais saudável, por causa da falta de tempo para cozinhar, a falta de espaço na geladeira, etc.” [/userpro_private]

 

Comentários
Carregando...