Editorial Edição 175

Os bichanos estão tomando conta dos lares e do mercado pet

De acordo com números levantados pelo IBGE e atualizados pela inteligência comercial do Instituto Pet Brasil, em 2018 foram contabilizados no país 54,2 milhões de cães; 39,8 milhões de aves; 23,9 milhões de gatos; 19,1 milhões de peixes e 2,3 milhões de répteis e pequenos mamíferos.

O destaque vai para o crescimento de casas que escolhem o gato como animal de estimação. No acumulado, esse foi o animal que mais cresceu, com alta de 8,1% desde 2013. Com o rápido desenvolvimento das cidades, as casas e apartamentos estão sendo construídos com metragens cada vez menores. Com isso, muitas pessoas que desejam ter um animal de estimação acabam optando pelo gato, que é considerado um animal mais tranquilo e que se adapta facilmente em pequenos locais.

O aumento da população de bichanos somado à mudança de comportamento dos tutores de gatos, que cada vez mais consideram o animal como um membro da família, tem sido um importante combustível para o desenvolvimento de pesquisas, produtos e serviços destinados a felinos.

Para ter ideia, de acordo com o estudo realizado pela CVA Solutions, tutores de gatos gastam cerca de R$ 200,00 mensais com seu bichano. Neste valor estão inclusas despesas com alimentação, produtos de higiene, veterinário e medicamentos preventivos como antipulgas, vermífugos e vacinas.

E porque o mercado de gatos está em ascensão, muitas empresas estão se especializando nesse nicho, investindo em diferenciais com o intuito de evidenciar as diferenças entre os pets e a necessidade de produtos e serviços diferenciados.

A nossa edição de julho traz matérias para empresários, tosadores e outros profissionais do mercado que estão trabalhando com os bichanos ou que pretendem investir nesse setor.

Além das matérias especiais sobre o grande negócio que tem se tornado os profusos e serviços voltados aos gatos, também estamos falando sobre eventos e outros assuntos que, como sempre, visam enriquecer o conhecimento do profissional do mercado pet.

Boa leitura!

 

 

Comentários
Carregando...