Revista Negócios Pet

Shampoo para cães é tudo igual?

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Shampoo para cães é tudo igual?

Seja na pet shop ou em casa, os tutores precisam ter atenção nos shampoos utilizados durante o banho. Afinal, cada cão possui uma necessidade diferente e é preciso entender quais são os produtos indicados para manter seu tipo de pele e pelos saudáveis. “A regra mais importante é utilizar apenas produtos de higiene canina! Muitos tutores acabam utilizando o seu próprio shampoo ou até mesmo barra de sabão de lavar roupas, mas isso pode prejudicar muito a pele do cachorro”, afirma o veterinário Ricardo Cabral, da Virbac.

“Além de ressecar a pele e provocar alergia e irritações, o uso de produtos inadequados pode também causar um desequilíbrio de óleos nos pelos, criando um ambiente ideal para bactérias, parasitas e vírus”, alerta.

Hoje, o mercado pet oferece diversas opções e marcas de shampoos e para auxiliar na escolha do produto ideal, Cabral listou os principais pontos de atenção. Confira:

 

Utilize shampoos hipoalergênicos

Busque sempre por shampoos que utilizem ingredientes hipoalergênicos, pois eles não agridem a pele dos cães. “Mesmo que o cão não seja alérgico, a pele dele pode ficar irritada na presença de agentes que nunca teve contato. A escolha de produtos hipoalergênicos minimiza esse risco.”

 

Repare na pelagem do cão

Existe uma grande diversidade de raças e cada qual com sua particularidade. Algumas têm pelos grossos e longos, enquanto outras têm pelos curtos e finos. Há ainda uma infinidade de cores de pelos.

“Um dos objetivos dos shampoos caninos é auxiliar no cuidado e manutenção dos pelos. Eles possuem funções como ser desembaraçante, antiqueda, manter a cor natural do pelo, entre outras. Portanto, identificar necessidades comuns a cada tipo de pelagem facilitará na hora de comprar o produto.”

 

Cuidar da pele é essencial!

Mais importante que garantir pelos sedosos e brilhantes, é manter a pele do pet saudável. “Esse ponto é o mais importante, pois tratar a pele é sinônimo de garantir saúde para o cão, tendo em vista que existem diversas doenças de pele como sarna, micose, dermatite atópica, alergias, seborreia, entre outros, que prejudicam e incomodam muito os pets”, explica Cabral. “Atente-se ao tipo de pele do seu cão! Se ela é seca, por exemplo, procure por um shampoo hidratante. Se é oleosa, um shampoo que controle a oleosidade. Leia sempre o rótulo e consulte o veterinário.”

Optar por marcas reconhecidas no mercado dermatológico também é garantia de uma pele saudável. Além disso, caso o pet já tenha contraído doenças de pele, os shampoos dermatológicos auxiliam no tratamento e prevenção. A marca Virbac, por exemplo, oferece soluções para alívio imediato da irritação e prurido da pele, infecções bacterianas da pele (piodermite superficial) e fúngicas (inclusive Malasseziose) e adjuvante no tratamento de piodermites profundas, para o tratamento e controle da pele oleosa associada à seborreia dos cães, entre outros.

 

Importante!

Filhotes de cachorro precisam de cuidados especiais em relação ao banho. Para tomar banho na pet shop, onde haverá contato com outros cães, é necessário esperar todas as vacinas.

Mesmo para o banho em casa, existe o risco de deixar a pele e pelos molhados, então é recomendável esperar pelo menos 12 semanas: antes disso, o uso de toalhas umedecidas específicas para cães é o ideal. Além disso, utilize produtos especializados ou o recomendado pelo veterinário; e introduza o banho na rotina do filhote aos poucos para não gerar traumas.

 

 

 

 

Agora Nossa Edição Digital é Gratuita!

Garanta a sua assinatura e receba mensalmente nossas Edições no Formato Digital

Outras matérias que você pode gostar

Receba avisos dos próximos eventos do setor pet
Inscrever
close-image