Groomer – Roberto França Tavares2 min para ler

Tudo que se precisa é determinação e transformar as adversidades em oportunidade de mudança de vida.

Roberto Tavares aproveitou um momento adverso para investir em sua carreira e transformar sua vida e isso só foi possível depois de participar de um dos cursos oferecidos na Personal Pet Escola.

Negócios Pet: Por que decidiu ser tosador?

Roberto França Tavares: Costumo dizer que não escolhi a profissão e sim ela me escolheu. Trabalhava de porteiro, quando surgiu a oportunidade de trabalhar na pet… Comecei a trabalhar na região dos Jardins, zona sul de São Paulo, como leva e traz, aí surgiu a oportunidade de aprender a dar banho. Fiquei como banhista durante uns quatro anos em vários lugares, na época não queria virar tosador, pois não tinha tanto interesse. Falta de maturidade me atrapalhou bastante. Mas depois de uma fase difícil na vida particular me obrigou a evoluir. Então decidi que viraria um tosador, mas sempre tive em mente que não faria meu trabalho de qualquer forma… (sempre daria o meu melhor) e foi assim até hoje.

 

NP: Quais transformações aconteceram na sua vida profissional depois de fazer o curso na Pet Escola?

RFT: Fiz uma especialização em Shih Tzu… Algo até então só sonhado, pois devido a recursos financeiros não conseguia fazer nenhum tipo de curso. Tudo que aprendi foi na base da raça, força de vontade. Mas depois dessa especialização foi meio que um divisor de águas, pois me abriu um leque do que a profissão pôde me proporcionar.

 

NP: Quais os diferenciais dessa escola?

RFT: Com certeza o grande diferencial dessa escola é o amor pela profissão e eles tratam disso de uma forma especial e você tem a certeza de que não está fazendo qualquer tipo de curso e tem vontade de querer se aprofundar mais e mais.

NP: O que você aconselharia para quem quer entrar na carreira?

RFT: Meu conselho para quem quer entrar na carreira é que faça o trabalho com amor e dê o seu melhor para todos os animais. Respeite, busque sempre aprender com quem é referência no mercado. No começo não queria, mas depois de oito anos não me vejo fazendo outra coisa. Amo tosar, bater tesoura… Não desista do seu sonho em meio às dificuldades que aparecerão, pois continuo com o meu sonho vivo de ser um profissional reconhecido no mercado pet. Tudo tem o seu tempo e com certeza vai chegar a minha e a sua vez…

 

 

 

 

Comentários
Carregando...