Aquarismo – Rã Touro: como animal pet

0 16

Dócil e resistente, se adapta muito bem a diversos climas e regiões do Brasil e do mundo.

A rã-touro americana (Lithobates catesbeianus) é uma das espécies de anfíbios mais criadas mundialmente e conhecida principalmente pelo seu coaxar. O nome “rã-touro” é devido ao seu coaxar que se assemelha ao som de um touro. Esse animal é considerado por muitos como espetacular, pois é resistente e se adapta muito bem a diversos climas e regiões do Brasil e do mundo.

É nativa da América do Norte, apresentando uma grande capacidade de crescimento e precocidade, podendo pesar mais de 1 kg. Também apresenta uma alta expectativa de vida, atingindo na Natureza até 15 anos. A rã-touro é um animal carnívoro e em alguns casos pode apresentar canibalismo dentro da espécie, se algumas medidas de criação não forem seguidas adequadamente. Necessitam de uma quantidade diária alta de proteína e sua dieta pode ser à base de uma ração para peixe carnívoro com 40% de proteína.[userpro_private]

Pensando na rã-rouro como um animal pet, pode ser uma ótima escolha, pois é dócil, não produz veneno, não morde e se condiciona muito bem ao alimento exógeno. Embora muitas pessoas ainda tenham receio em criar esses animais, pois acabam associando-as aos sapos e pensando que de alguma forma a rã-touro possa liberar alguma secreção que seja perigosa. O que deve-se pensar é que a rã-touro pode proporcionar inúmeras oportunidades educacionais para as crianças, uma vez que elas podem acompanhar o desenvolvimento desses animais desde girinos (fase aquática) até sua completa metamorfose e forma adulta (fase terrestre) e também o que deve-se considerar é que esses animais podem viver vários anos.

Caso você queira criar um desses animais, ainda tem a opção de escolher criar uma rã-touro albina que é muito apreciada pelos aquaristas no mundo todo. O que deve-se lembrar e onde criar, caso já viva numa propriedade com um lago, já é um grande passo, no entanto atente-se que é um animal exótico e de forma alguma deve ser solto na Natureza. No entanto, se estiver planejando cuidar de sua rã-touro dentro de casa, será preciso encontrar um local adequado. Uma ótima opção seria os terrários com uma parte alagada (profundidade suficiente para cobrir somente metade do animal) e a outra parte seca, uma vez que a rã necessita da água para se hidratar. Outra escolha seria criar um só animal, a fim de evitar atos de canibalismo ou no máximo um casal desses animais, com o mesmo tamanho.

Também não esqueça de cuidar da saúde da sua rã-touro. Esses animais podem ser suscetíveis a várias doenças. Caso note alguma mudança de comportamento do seu animal, procure um médico-veterinário. Lembre-se, caso adote todas as medidas e entenda bem a criação, você pode aproveitar por muitos anos o seu pet. [/userpro_private]

Dr. Cleber Fernando Menegasso Mansano é médico-veterinário com doutorado em Aquicultura pelo Centro de Aquicultura da Unesp.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...
Receba nossas novidades!

Receba nossas novidades!

Cadastre seu melhor email e fique atualizado sobre o mercado pet.

Obrigado por se cadastrar!