Novidades interessantes na Conferência da APDT e Clicker Expo 2016

Alexandre Rossi visita a conferência da Associação Americana de Treinadores de Cães.

Em outubro de 2016, estive na Conferência Anual da APDT, uma associação americana de treinadores de cães, considerada a maior do mundo. Durante o evento, além de palestras com temas voltados ao treinamento de cães, foi realizada uma feira com itens vendidos em pet shops e grandes lojas voltadas especificamente para o mercado pet.

Por isso, acho interessante falar um pouco sobre alguns produtos e o quanto eles podem ser legais para os cachorros, além de despertarem o interesse dos tutores.

 

Quebra-cabeças para cães 

Quebra-cabeça para cãesMuito se fala em enriquecimento ambiental, que consiste em deixar o ambiente onde o cachorro (ou qualquer animal de estimação) fica sempre cheio de coisas para ele se distrair sozinho.  [sociallocker]

Assim, já vemos sendo vendidos (e procurados por clientes) alguns quebra-cabeças desenvolvidos para que os pets, nos quais se coloca uma recompensa alimentar dentro de um compartimento (que parece uma gaveta pequena), e o animal vai precisar movimentar para que o compartimento que libera a recompensa seja aberto. Nas versões mais difíceis, o pet precisa tocar na exata ordem da sequência de acendimento das luzes, para que o compartimento abra.

 

Ossos naturais   

Vi claramente a tendência dos fabricantes de alimentos para cães em desenvolver e promover produtos que remetem às origens selvagens dos cachorros, fazendo muita referência aos lobos e aos seus comportamentos selvagens e instintivos.

Assim, em todo lugar, vi muitos ossos naturais e defumados, mais um item interessante para o enriquecimento ambiental dos cachorros. Eles costumam adorar e ficam entretidos por bastante tempo, pois esses ossos têm cheiro atrativo, que os deixa motivados a roer.

 

Brinquedo lançador de bolinhas 

Atirador de Bolas Automático para CãesAlguns cães são alucinados por bolinhas e essa brincadeira é uma forma de interação muito legal entre cachorros e tutores. Mas nem sempre as pessoas estão presentes para jogar ou o cachorro teria energia para tanto.

Para isso, estão sendo desenvolvidos lançadores de bolinhas eletrônicos, cujo mecanismo é acionado através da colocação da bola no bocal e o próprio peso aciona o mecanismo, que lança a bola para longe.

Mas é preciso treinar o cachorro, para que ele busque a bolinha e a coloque exatamente no local correto no brinquedo. Do contrário, o mecanismo não será acionado.

 

Guia para manter cão próximo

Guia para CãesOutro produto interessante é uma guia com a qual é possível manter o cão que necessita de supervisão perto de nós, com baixo risco de ele roê-la e/ou escapar.

Por exemplo, quando há um filhote em casa, é muitas vezes recomendável mantê-lo por perto para poder supervisioná-lo e ter a chance de recompensar os bons comportamentos. Se o filhote está em um ambiente com a família, ele pode ser colocado nessa guia com um brinquedo para roer, ficando entretido e sendo possível supervisioná-lo.

Ter à disposição dos clientes produtos que visem garantir mais atividade e estímulos e, consequentemente, melhorar a vida dos animais de estimação é, atualmente, um diferencial de peso no mercado pet, especialmente no Brasil, onde o número de cães e de gatos nos lares brasileiros vem aumentando ano a ano, assim como o interesse dos tutores em garantir o bem-estar deles.

 

Clicker Expo 2016 

Também em outubro, eu participei da Clicker Expo 2016, realizada na Dinamarca, na cidade de Billund, com a presença de adestradores de aproximadamente 21 países.

 

O que é o clicker

Clicker para Treinamento de CãesO clicker é um aparelho feito geralmente de plástico, que tem uma placa metálica dentro que emite um som curto, seco e alto e que serve como instrumento para o adestramento de animais.

O som funciona como uma espécie de marcador e significa para o animal: “muito bem, você acertou, agora vai ganhar uma recompensa!”. O som emitido pelo aparelho é bem evidente. O objetivo é sinalizar o acerto, seguido de uma recompensa (geralmente alimentar).

Existem vários modelos de clicker, mas que diferem basicamente no tamanho, cor e volume do som emitido. Há alguns que podem ser presos à mão, como uma pulseira, justamente para deixar as mãos livres durante o treinamento. Mas, basicamente, sua função é sempre a mesma.

O clicker é usado nas técnicas de adestramento que se baseiam em reforço positivo e é o método mais utilizado no mundo todo para o treinamento de animais, sejam os de estimação, os que vivem em cativeiro ou cães de assistência, por exemplo.

Com a procura cada vez maior por parte dos tutores por produtos, instrumentos e mecanismos que auxiliem no treinamento de seus animais de estimação, ter modelos de clicker à venda pode ser uma ótima pedida para oferecimento aos clientes, tornando-se, inclusive, um diferencial.[/sociallocker]

Alexandre Rossi é zootecnista e adestrador conhecido como Dr. Pet.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...